[Mundo Sobrenatural] O mistério da Floresta de Aokigahara no Japão

Viajar é  bom , não é  mesmo? Conhecer lugares novos .Mas e  lugares assustadores? Tá  valendo  também? Se por acaso se  tratar da Floresta de Aokigahara no Japão, acho  prudente  seguir o  conselho uma vez dado pelo mestre Dean Winchester: Quando um lugar é assombrado , não entre! O local  não é apenas turístico , infelizmente  muitas pessoas vão para lá , com outro objetivo em mente : o suicidio. 
A  floresta é  localizada mais precisamente  na base do Monte Fuji. É considerada por muitos como um "lugar perfeito para morrer" e ela é o segundo lugar com maior  número  de suicídios (perde apenas para a Ponte Golden Gate, na cidade de San Francisco).

Diz a lenda que tudo começou a partir  uma novela publicada pela famosa escritora Seicho Matsumoto, intitulada Kuroi Kaiju (Mar Negro de Árvores) no  ano 1960,  a novela  termina com dois amantes cometendo suicídio em plena floresta. Mas há  aqueles  que  alegam que tudo  começou  bem  antes, no  período medieval,  no qual as famílias abandonavam crianças, e velhos na floresta, sobretudo em períodos de escassez de alimentos. 
A quantidade de relatos sobre vozes desencarnadas, sombras misteriosas e sensações inquietantes em seu interior é alarmante. Os fantasmas mais frequentemente vistos no lugar, são os Yurei, eles costumam saltar de árvore em árvore, vestem longas roupas brancas e suas faces são transfiguradas pelo horror, pelo medo e loucura. Aqueles que vêem um desses espíritos amaldiçoados ficam paralisados e não conseguem correr ou se afastar. Os músculos parecem ficar congelados, o sangue não corre nas veias e um frio domina todo o corpo. Eles então  se aproximam e arrastam as vítimas apavoradas para as profundezas da floresta.
Espiritualistas japoneses acreditam que a quantidade de suicídios cometidos na floresta de alguma forma contaminou  o solo de Aokigahara, gerando uma área de atividade paranormal que impede muitos dos que entram em seus limites de escapar com vida. Médiuns entrevistados no local afirmam que as próprias árvores e arbustos tendem a conspirar contra a sanidade das pessoas, forçando-as aos seus limites.
É um lugar muito  fácil de se perder. Não há como se guiar através das estrelas, e as trilhas existentes tendem a ficar cobertas de folhas e vinhas. O solo é incerto, com buracos cobertos dessas folhas que podem engolir uma pessoa adulta. No fundo desses grotões há depósitos de fungos e uma espécie de urtiga venenosa que pode matar alguém alérgico em poucos minutos.

Telefones celulares, aparelhos de GPS e até mesmo bússolas tendem a falhar em virtude de ricos depósitos de ferro na área e do solo vulcânico. Esse fator por si só, por muitos anos foi suficiente para perpetuar incontáveis casos de desaparecimento na região.  
As pessoas que vivem nas proximidades de Aokigahara sofrem uma espécie de discriminação direta por habitar uma área considerada agourenta. Eles são evitados e muitas vezes mentem a  respeito de sua residência para se manter no emprego e preservar amizades. Pois no Japão  existe uma crença antiga de que as pessoas costumam carregar consigo a carga emocional do lugar em que vivem ou dormem..

Os Guardas que são contratados para proteger a floresta e coibir os suicidas tem como  atribuições ,carregar os corpos, varrer o lugar em busca de indícios de invasores e recolher objetos abandonados ou descartados no interior. Muitos desses objetos são guardados em uma sala que se converteu em uma espécie de museu macabro, reunindo centenas de itens que pertenceram aos suicidas. Uma das superstições que vigora no Japão diz respeito a não tocar em nada que pertenceu a um suicida - pois fantasmas podem sentir ciúmes de suas possessões materiais. Tocar em tais objetos, atrai azar.    
                                                        
Campanhas são  realizadas para conscientização e valorização da vida. O governo tenta desmistificar através desses programas o tema, mas os programas ainda não causaram o impacto desejado. 
A Floresta de Aokigahara continua sendo um lugar assustador e por  conta  de  tudo o que  li sobre , não  tenho dúvidas que continuará assim por muito tempo. Concordam  comigo?

Confiram abaixo um video  sobre o local :
                                                                                                                   FONTE :

[SPOILER] Descrição do Episódio 10.22 - "The Prisoner" de Supernatural

Aparentemente os Winchesters e os Stynes irão travar uma grande disputa entre si, e como resultado teremos consequências duras para os irmãos. Será que Sam manterá o segredo e não dividirá com seu irmão o que está tentando fazer com o Livro dos Condenados? Vamos ter que aguardar para conferir! 

Mas, enquanto não temos certeza do que acontecerá, vamos ficar com a Descrição oficial do episódio 22 da 10ª temporada de Supernatural, que será transmitido no dia 13 de maio pelo canal americano The CW. E terá o download disponibilizado aqui no dia posterior! 
DEAN ESTÁ FURIOSO - Quando se trata dos Stynes, Dean (Jensen Ackles) decide fazer justiça com as próprias mãos. Sam (Jared Padalecki) tenta entrar em acordo com a sua decisão.
O episódio em questão foi dirigido por Thomas J. Wright e escrito por Andrew Dabb.

[Spoiler] Vídeo promo do Episódio 10.20 - "Angel Heart" de Supernatural

Será que Sam, Dean e Castiel serão capazes de ajudar Claire? Agora que os problemas de Castiel e sua graça foram deixados para trás, é hora de "Supernatural" trazer de volta um outro problema seu: os Novaks. Isso é o que teremos para o Episódio 20 da 10ª temporada, intitulado "Angel Heart", para o qual a CW lançou um novo vídeo promocional.

Claire Novak (Kathryn Newton Amor) foi vista pela última vez no início da 10ª temporada de "Supernatural" em "The Hunter Games", onde ela estava determinada a matar Dean no início, só que ela mudou de idéia e decidiu fazer as coisas de forma diferente, por conta própria, embora ela queira se afastar e não contar com a ajuda de Castiel, isso acaba sendo deixado de lado. No próximo episódio quando ela recebe uma pista sobre o paradeiro de sua mãe, Castiel pede Sam e Dean para ajudá-la. Castiel se sente culpado pelo que fez para à família Novak e quer fazer as pazes reunindo mãe e filha, mas quando descobrir o que levou Amelia, eles percebem que há uma chance de Claire não ter o seu final feliz.


A promo "Angel Heart" mostra Castiel voltando-se para Sam e Dean para pedir ajuda e explica que há um assassino celestial por aí que "vai levá-los para o monstro final: uma adolescente". Bem-vinda de volta, Claire! Não se esqueça de clicar aqui
para ver as fotos promocionais que já foram liberadas, onde vocês poderão ver Amelia e mais do que acontecerá a Sam, Dean, Castiel e Claire.

Não perca o novo episódio de Supernatural, que será transmitido no dia 29 de abril, às 21h pelo canal americano The CW e terá seu download legendado divulgado aqui no dia posterior!
O que você achou da promo de "Angel Heart" e das fotos do episódio 20?



[Ratings] Audiência do Episódio 10.19 - "The Werther Project" (CW - 22/04)


Segundo dados divulgados pelo site Tvbythenumbers a audiência alcançada pelo Episódio 10.18 - "Book of the Damned" de Supernatural, durante transmissão no canal americano The CW na noite de quarta-feira (22/04/2015) às 21h foi de 1,78 milhões de telespectadores. Como vocês podem ver, a audiência continua um pouco baixa, apesar de registrar um pequeno aumento em relação ao episódio anterior. A mudança de dia de transmissão prejudicou muito a audiência da série. Vamos aguardar para ver como ficará nos próximos..




 
Acompanhe a série em nosso site!

[Legendado] Download do Episódio 10.19 - "The Werther Project" de Supernatural

SINOPSE: Magnus, aquele ex-membro dos Homens das Letras que causou problemas aos irmãos no 16º episódio da 9ª temporada intitulado “Blade Runners”, quando os mesmos acabaram presos em seu zoológico particular, certo dia criou uma caixa mágica. E Sam na esperança de curar Dean, vai tentar encontrá-la. Só que ele não estará preparado para o alarme mortal que Magnus colocou nessa tal caixa, e acaba colocando a vida dele em perigo e também a de Dean.

Data de Transmissão: 22/04/2015
Título: “The Werther Project”
Episódio: 19
Temporada: 10
Legenders: Ghostfacers


BAIXE LEGENDA OFICIAL



 Assistir Online (s/legenda) - | Nowvideo | Vodlocker |
 MKV sem legenda | Rapidgator | Uploaded |
 MP4 sem legenda | Rapidgator Uploaded |
 Torrent SEM LEGENDA - | Mega |
 HDTV.x264-LOL.mp4




Uploader: Mylla e MGD

RMVB Legendado: | Mega | Filefactory | Zippyshare | Turbobit
| Uploaded | Netload | Uploaded | Uploadable |
| Brupload  | Depositfiles |



Uploader: Mylla e seriesparaassistironline

AVI Legendado: | Allmyvideos | Videopw | Dropvideo |




Acesse nossa galeria de downloads e conheça nosso acervo!

[REVIEW] Comentando o Episódio 10.18 - "Book Of The Damned" de Supernatural

"Book Of The Damned" é o décimo terceiro episódio escrito por ninguém menos que Robbie Thompson (foto), integrante da equipe de roteiristas desde a sétima temporada e escreveu divisores de água como 9.11-"First Born" e o célebre episódio 10.05-"Fan-Fiction"..Autor de simplesmente todos os episódios protagonizados pela Nerd ruiva e portanto, o precursor por trás de suas aventuras. Robbie é o "pai" de Charlie! Este foi o segundo episódio da série dirigido por PJ Pesce (foto) experiente diretor italiano que estreou na cadeira de diretor para a série no episódio 9.21-"King Of The Damned".

   
  Robbie Thompson (Escritor)            PJ Pesce (Diretor)         

Por que dois homens de estirpe representariam perigo? É neste clima de suspense que o roteiro ganha forma através da direção de PJ Pesce. A presença de artefatos seculares (a Ninjatou de Charlie e a bússola sensorial do misterioso cavalheiro) já apontam referências míticas e Thompson aproveita o momento introdutório da dupla misteriosa para dar uma amostra das habilidades de combate desenvolvidas em Oz pela Ruiva, mantendo sua marca de plots conectivos em sua peculiar narrativa linear, além de servir de aperitivo para os fãs que esperavam ver a moça em ação no universo fabuloso (Já disse que sou seu fã, Robbie?). Todo este contexto narrativo concebe um equilíbrio para todos os envolvidos: O Grandão morto pela "Garota-prodígio" que enquadra o Sombrio cavalheiro bem trajado (Jeff Branson). Este, aliás, detentor de soberba imponência e expressividade que despertam temor apenas através de olhares e sorrisos. Hábil na persuasão indireta, ele retoma sua vantagem e Charlie foge, mas acaba baleada. E agora?

Convenhamos, o ódio que Metatron desperta é reflexo da competência de Curtis Amstrong que consegue ser repugnante e chato de uma forma completamente avessa ao tradicional estilo de vilania. Explorando mais da boa vertente cômica de Amstrong, a indignação do Escriba ao ter rádio desligado no exato momento em que tocaria o clássico de Alanis Morissete foi naturalmente hilária, bem como sua análise nerd sobre a composição. Aliás, toda a cena no interior do carro foi inspirada no vídeo de “Ironic”, que se passa durante uma viagem de carro (muito bem sacado). Vermos um Castiel não tão ingênuo, resoluto, impaciente e soqueando Meth não tem preço. Sim, dois socos é pouco para vingar tudo o que ele aprontou, mas os produtores não arriscam desfigurar a peculiar benevolência de Cass em rompantes de violência. Enquanto isso, Dean revela a Sam sobre a maldição da Marca e Charlie faz contato em busca de ajuda e revela ter em mãos uma provável chance de remoção da marca: O Livro dos condenados.

Diante desta luz no fim do túnel, o entusiasmo de Dean entra em ebulição e surge uma promessa ao som de "The Boys Are Back In Town” da banda Thin Lizzy. O problema é que promessas e Winchesters são como água e óleo. Toda a mitologia em torno livro dos condenados é interessante e bizarro. Assim como a primeira lâmina, Dean sente uma espécie de magnetismo pelas “Danadas escrituras” e ao ler as escritas pictóricas uma transfusão sensorial parece emergir dentro de si e tomar seus sentidos. Apesar de não haver menção direta por parte das descobertas de Charlie, algumas páginas do livro macabro remetem a hieróglifos (entalhes sagrados) que segundo a mitologia egípcia e grega, acreditava-se que apenas sacerdotes egípcios os compreendiam e valiam-se desse sistema de escrita, que representavam alguma sabedoria oculta e mágica. Fazendo uma breve analogia, Dean predestinado a se tornar uma espécie de “sacerdote do mal”, uma entidade maligna superior que detém a decifração destas páginas, de certa forma explicaria o magnetismo (e o que mais ele esconde que ainda deverá manifestar). Será?

 

Atacados por um Cupido (Patrick Sparling)Castiel quase é apunhalado pela própria adaga se não fosse a intervenção de Meth. Ironia do destino? Através da ambiência externa captada pelo enquadramento de planos inferiores P. J. Pesce demonstra seu apuro técnico ao utilizar-se de técnicas de perspectiva para enaltecer a imponência de nobreza, atenuada quase subliminarmente pelo céu límpido contrastado com o requinte dos trajes do portador do brasão. Este por sua vez, permanece no encalço do livro e mesmo com sua bússola neutralizada, sua perspicácia consegue prever os possíveis trajetos enquanto Metatron enfim leva Cass ao recinto que esconde sua graça: uma Biblioteca onde ele certificou-se de que sequer ele próprio saberia o paradeiro exato, mediante um jogo de adivinhação. Cada vez mais em terreno desconhecido, Cass perde a maleabilidade de condução. Na busca por pistas sobre o brasão, Dean descobre no arquivo dos letrados que o homem no encalço de Charlie e o livro, é membro da secular família Styne. Assim surge o impasse entre ambos causado pela discordância em fazer o que for necessário para salvar Dean.
A veemência de Dean ao negar o uso do livro é plenamente compreensível, já que egoísmo nunca integrou a lista de componentes de sua nobre alma. Assim sendo, assumir os efeitos colaterais de proporções bíblicas, cedendo ao mal para livrar a própria pele, seria uma faca de dois gumes e uma terrível transgressão aos conceitos do negócio da família. Ceder ao raciocínio de Sam culminaria na indulgência que ele tanto acusou Dean na temporada passada por sobrepor suas decisões às dele. Mesmo Charlie reconhece que o primogênito tem razão. Todavia, tamanha incomplacência transmite um temor que poucas vezes vimos tomar conta de Dean, transparecendo que a plenitude de sua consciência é maior devido àquilo que sabe mas, não expõe, despertando uma aflição incomensurável ao caçula Winchester. Esta fatia da torta é o que distancia o raciocínio dos irmãos e diante das peças ausentes do quebra-cabeça, a perspectiva de Dean jamais estará 100% compreensível para Sammy. Quem está certo? Quem está errado? Ambos? Ninguém? O que fazer?

 

Qual a missão de Cass? A verdade é que sequer o próprio Anjo sabe. O resultado disto, foi a reviravolta de Metatron. Fica claro que seus planos sempre acabam exitosos por que além da inteligência e vasto conhecimento, ele detém outra poderosa arma: a verdade. A prova disso é o constante silêncio de Cass como resposta. Por mais que houvesse sempre uma carta na manga, o escriba buscou métodos alternativos de virar o jogo a seu favor. Quando salvou-o do Cupido, ele buscou plantar uma semente de vínculo visando absolvição de Castiel, que irredutível, levou mais uma rasteira. Com o sangue de seu ferimento, Meth improvisa um feitiço contra anjos, usando sua mortalidade a favor, neutralizando Cass e reavendo a Tábua dos Demônios (!). Uma das principais desvantagens de Cass é ser previsível. Ao invés de transbordar intransigência, ele poderia entrar no jogo do escriba e tornar-se menos vulnerável. Em contraponto, graças a dose de conhecimento concebida, o Anjo reconhece a citação de Dom Quixote e reavém sua graça em um momento vibrante de combustão auroreal.

   

Apesar do foco no arco principal, o roteiro aproveita Charlie para explanar a angústia de Sam. Jacob revela a Dean que o livro realmente pode remover a marca, mas consegue fugir e encontra o esconderijo. Dean pede a Sam que queime eo livro nquanto enfrenta com Charlie os súditos de Jacob. A constante hesitação de Sam coloca sua vida em risco com a chance de aproximação de Styne, mas apesar da resistência sobre-humana, Jacob acaba morrendo e o livro entre as chamas da lareira. Tal resistência sobre-humana demonstra que assim como a marca, o brasão da família foi possívelmente prevalecido pela magia do livro na intenção de aproximá-los da condição de imortalidade. Ou seja, se Dean se apoderar definitivamente dos poderes do livro que aliado a posse da marca, poderia se tornar de fato uma espécie de “Divindade demoníaca”. Será?


No Bunker, Charlie e Cass se conhecem e se divertem brincando de “Abre e Fecha”(jogo de Origami) como uma verdadeira família ao lado dos irmãos com direito à pizza, cerveja e ao som de “Behind Blue Eyes” do The Who. Canção mais do que apropriada para representar a trajetória Winchester. Independente do contexto, a composição forma estrófes que transmitem com fidelidade o sentimento de melancoliaangústia mas, também de aflição e incompreensão, sendo comumente utilizada para representar situações limítrofes que incubem a atos que aplacam alguma condição lúgubre. Tal perspectiva é perpetuada pelo ato final de um velho Sam, capaz de recorrer a alianças extremamente arriscadas.

 
 

Jacob morreu ciente de que o livro permanece intacto e prometeu que a Sam que sua família continuará em busca dele. Mas a questão vai além da dúvida que paira na aliança com Rowena (Ruth Connel) e nos “termos” dela, mas nos estratosféricos efeitos colaterais que o uso do livro causará. O que Metatron fará com a tábua dos Demônios enquanto permanece mortal? Onde Crowley se enquadrará nestas reviravoltas? Qual sua opinião?


...Continua nos próximos episódios!


Se você ainda não viu o Episódio
 

[SPOILER] FOTOS PROMOCIONAIS DO EPISÓDIO 10.20 - "ANGEL HEART " DE SUPERNATURAL

O episódio intitulado "Angel Heart" será marcado pela volta  da  personagem Claire que  tem uma  pista sobre sua mãe, Amelia, que  está  desaparecida há anos. A pedido de Castiel  que  se  sente culpado pelo que  fez a família Novak, Sam e Dean ajudam Claire nessa busca. Mas nas circunstâncias que  Amelia é encontrada não é nada boa, infelizmente não  será agora que Claire terá seu  final feliz.

Confira a descrição oficial  do episódio AQUI  e as  fotos promocionais AQUI. Lembrando: o episódio "Angel Heart" será exibido no dia 29 de abril no canal  CW e  será  disponibilizado aqui  no  dia  posterior.

https://www.facebook.com/media/set/?set=a.917681684918927.1073741903.189543631066073&type=1 https://www.facebook.com/media/set/?set=a.917681684918927.1073741903.189543631066073&type=1
                                                                                                                                          Fonte

[SPOILER] Descrição do Episódio 10.21 - "Dark Dynasty" de Supernatural

A família Styne foi apresentada na série pela primeira vez no último episódio de Supernatural (10.18 - “Book Of The Damned"), quando Charlie trouxe o Livro dos Condenados para os Winchesters e contou que estava sendo perseguida por um homem chamado Jacob Styne, que afirmava que o livro pertencia a sua família. Os Winchesters e Charlie conseguiram matar Jacob e alguns de seus amigos, mas Jacob prometeu a Sam que sua família nunca iria parar de procurar o livro. É claro que Dean não sabe que Sam ainda tenho o livro em seu poder, porque ele mandou o irmão queimá-lo, acreditando que aquele objetivo só traria o mal. No entanto, sabendo que ele continha informações que poderiam remover a marca de Caim de seu irmão, Sam trocou o livro por outro na hora de queimá-lo e, em seguida, levou o livro real para Rowena na esperança de que a bruxa o ajudasse a decodificá-lo.

No começo de maio, a mitologia estará em alta na série e começaremos a conhecer cada  vez mais a família Styne, como mostra a descrição do episódio 10.21 intitulado "Dark Dynasty", que será transmitido no dia 06 de maio pelo canal americano The CW. E terá o download disponibilizado aqui no dia posterior! 
OS WINCHESTERS CONHECEM OS STYNES - Dean (Jensen Ackles) e Sam (Jared Padalecki) investigam um assassinato bizarro e percebem que o assassino tem a mesma tatuagem da família Styne. Eldon Styne (ator convidado David Hoflin) ataca Dean, começando uma luta brutal. Enquanto isso, Castiel (Misha Collins) atua como árbitro, pois Charlie (Felicia Day) e Rowena (Ruth Connell) são forçadas a trabalharem em conjunto para decodificarem o Livro dos Condenados. Crowley (Mark Sheppard) descobre que sua mãe está sumida e desconfia que ela está tramando algo.

O episódio foi dirigido por Robert Singer e escrito por Eugenie Ross-Leming & Brad Buckner.
Copyright © 2015 Sobrenatural Brazil (@BRsobrenatural) - Downloads, Episódios Online e notícias de Supernatural